sexta-feira, 21 de novembro de 2008

"Cartão Azul"

A notícia saiu ontem (20 de Novembro) no site do Parlamento Europeu:

«PE vota sobre proposta de "cartão azul" da UE


O Parlamento Europeu definiu hoje a sua posição sobre a proposta de directiva relativa às condições de entrada e de residência de nacionais de países terceiros para efeito de emprego altamente qualificado, que prevê um "cartão azul UE" ao estilo do "green card" norte-americano. Os deputados clarificam os critérios de admissão e de concessão do cartão azul, mas avisam os Estados-Membros para evitarem a "fuga de cérebros" de países terceiros e respeitarem o princípio da "preferência comunitária".»

Se quiserem perceber melhor como funciona toda esta questão do cartão azul leiam a notícia completa aqui.


O que acham?

Será que este sistema vem facilitar todo o processo relativo às migrações?

Ou consideram, como alguns, que pode ter como consequência a discriminação entre os diferentes tipos de migrantes?

Que implicações tem?

1 Comentários:

Às 2:25 da tarde , Blogger Nuno Fernandes disse...

Pessoalmente, acho que vai ter como consequência a discriminação absurda entre os diferentes tipos de migrantes. A ideia em si visa facilitar o processo das migrações, mas implica prejudicar uma quota parte dos migrantes. E nisto até posso citar Carlos Coelho, que na mesma notícia opina: "Não queremos limitar, no entanto, a migração apenas às pessoas altamente qualificadas, deixando de fora todos os outros trabalhadores migrantes com menos qualificações. No decurso dos próximos anos, ambas as categorias são essenciais para o desenvolvimento económico e social da Europa. E estamos a falar de muitos milhões de pessoas."
Penso que a "fuga de cérebros" pode ser combatida doutro modo, não deste em que inviabiliza-se a entrada de alguns para os que estejam cá tenham mais oportunidades para singrar.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial